Os tempos antigos trazidos à vida através do 3DS Max

A execução de um projeto vai além da existência de ideias específicas, envolvendo o programa de necessidades dele. Para retirar os desenhos do papel para uma construção real, algumas restrições financeiras e tecnológicas da época podem ser grandes empecilhos.

Prova disso são diversos projetos de arquitetos famosos ou que resolveriam problemas urbanos atuais, que nunca foram realizados por falta desses recursos, mas as tecnologias modernas nos permitem ver o que está perdido na história e nos dão a oportunidade de revivê-la não apenas no papel, mas também em monitores e em experiências de realidade virtual.

A tecnologia 3DS Max

Um grande percussor dessas reconstruções digitais tem sido o 3DS Max da Autodesk. Ele é um software de modelagem 3D e renderização que ajudou alguns estúdios a recriarem com alta qualidade alguns projetos antigos famosos que antes eram mais complexos de estudar devido à existência de documentações velhas e deterioradas.

A reconstrução digital das obras não construídas de Étienne-Louis Boullée

Étienne-Louis Boullée é considerado um dos arquitetos mais visionários e influentes do neoclassicismo francês, no entanto, apesar do prestígio, não viu nenhum de seus projetos mais extraordinários sair do papel. No século XX, houve uma retomada de interesse em seus trabalhos, ficando mais conhecido pela sua proposta de Sepulcro a Newton. Croquis desse projeto foram trazidos à vida virtualmente pelo estúdio BBB3 que usou o 3DS Max para interpretar os desenhos deixados pelo arquiteto.

Veja a seguir o resultado desse projeto e de outros do mesmo criador reconstruídos através do software:

ArchDaily-Brasil Os tempos antigos trazidos à vida através do 3DS Max

Reconstrução digital do Túmulo de Nefertari

Andrey Plaksin e sua equipe utilizaram o 3DS Max para resgatar em um modelo 3D as paredes do túmulo esquecido, exibindo com detalhes hieróglifos e artefatos. O trabalho necessitou de uma análise complexa dos materiais usados no ambiente por se tratarem de antiguidades e possuírem algumas características diferentes do que é hoje usado de material.

Apesar dessas dificuldades, o criador relata a seguinte experiência de utilização do software:

“O 3DS Max possui todas as ferramentas para trabalho integrado em projetos arquitetônicos. Eu gosto especialmente de como este software é desenvolvido. Quando se trata do meu fluxo de trabalho do 3DS Max, quase não houve problemas devido ao extenso conjunto de ferramentas disponíveis para modelagem e texturização”, Andrey Plaksin.

Devido as boas opções de materiais e configurações relacionadas do 3DS Max, Andrey conseguiu executar uma modelagem 3D de alta qualidade que tem sido usada como estudo para a história do local por alguns canais de TV, justamente pela riqueza de detalhes que essa modelagem possibilitou.

Como não são materiais comuns nos dias atuais, para dar as caraterísticas certas do que é visto na realidade, o criador teve que associar particularidades de vários materiais, recurso disponível no 3DS Max, como está demonstrado a seguir:

PRINT Os tempos antigos trazidos à vida através do 3DS Max

Com o 3DS Max, você pode dar forma e definir ambientes, objetos, detalhamentos, simular configurações de câmera do mundo real, como velocidade do obturador, abertura, profundidade de campo, exposição e outras opções. Utilize-o também para criar animações e dinâmicas 3D e, assim, poder desenvolver comportamentos líquidos realistas em determinadas partes pertinentes dos seus projetos.

Fonte e crédito das imagens:

 Como adquirir o 3DS Max

Você pode adquirir o 3DS Max, que está na AEC Collection, através da nossa equipe de especialistas. A Frazillio possui treinamento para esse software e outros da Autodesk. Para mais informações, entre em contato conosco: (11) 3224-1900, (11) 97303-7929 (whatsapp) ou [email protected]. Acompanhe também nossa página no Facebook.

Você sabia que somos Centro de Treinamento Autorizado (ATC®) da Autodesk? Confira nossa agenda de eventos e treinamentos!

Leia mais

[Artigo] Recriando a paisagem da Torre Eiffel: Parceria entre Paris e Autodesk →

[Artigo] Design Generativo: O Futuro do Design que chegou para ficar →

[Artigo] Smart Cities: O conceito que está transformando o Futuro das Cidades →

[E-book] Introdução ao BIM – Um guia para o seu primeiro projeto →

[E-book] Etapas para o Processo de Implementação BIM (Building Information Modeling) →

Jennifer Angélica

Técnica de Informática pela ETEC da Zona Leste, com foco em programação, e estudante de Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Nove de Julho. Em aprendizado das tecnologias para arquitetura e urbanismo proporcionadas pela Autodesk, bem como os processos e características BIM que elas oferecem. Possui interesse e estudos na área de acessibilidade e urbanismo. Desde 2019 trabalha na Frazillio na área de Customer Success.

Cadastre-se para receber a nossa Newsletter

Próximos Eventos

Ver Mais >